top of page

Concurso PM-RJ: IBADE contesta! Veja!


Ibade aguarda recursos


Mais um capítulo da "novela" chamada concurso da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PM-RJ) entrou em cena.


Após a corporação divulgar que, através da modalidade de dispensa de licitação, a Fundação Getulio Vargas (FGV) daria continuidade ao certame, o antigo organizador, o Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo - Ibade, resolveu proporcionar "mais emoção" aos interessados na seleção da PM-RJ.


Em nota divulgada, o Ibade informou que deseja seguir à frente da seleção.


Além disso, entrou com recurso contra o seu desligamento e contestou o Estado carioca!


O Instituto ressaltou que foi prejudicado, pois teria sido vítima de "narrativas falsas" e casos isolados e previsíveis, que podem ocorrer em qualquer concurso público!


O Ibade ainda diz que as denúncias de irregularidades não foram constatadas.


Diante disso, o antigo organizador espera dar continuidade ao concurso.


Veja parte da nota divulgada:


"O IBADE, que desde 2016 atua no planejamento, organização e execução de concursos públicos e processos seletivos em todo o Brasil, observa os princípios de legalidade, impessoalidade e isonomia dos candidatos que fizeram a prova de boa fé, e aguarda o resultado do recurso administrativo do PAS, acreditando que a administração, não terá alternativa legal e reverá seus atos, acolhendo as razões do recurso, para que, assim, possa dar continuidade ao certame", relata a nota!


A publicação da definição da FGV foi exibida no Diário Oficial. Veja:


Até o momento, o Ibade dará lugar à FGV, que ficará responsável pela reaplicação das provas do concurso da PM-RJ, para o cargo de soldado.

Recentemente, os exames foram anulados pelo governador Cláudio Castro, após várias denúncias de irregularidades.


Como já estamos no último mês de 2023, possivelmente as provas só serão realizadas em 2024.


O concurso


Segundo demanda de inscritos, foram registradas quase 120 mil candidaturas.


A PM-RJ oferta 2 mil vagas, sendo 1.800 são para homens e 200 para mulheres, com exigência de nível médio e idade máxima de 32 anos.


O salário inicial é de R$ 5.233,88 após o término do Curso de Formação.



Resumo do concurso


  • Situação atual do concurso: FGV anunciada;

  • Data da prova objetiva: 27 de agosto de 2023;

  • Escolaridade: Nível médio;

  • Teste de aptidão física (TAF): Sim;

  • Remuneração: R$ R$ 5.233,88;

  • Limite de idade: Ter entre 18 e 32 anos;

  • Limite de altura: para candidatos do sexo masculino, ter altura mínima de 1,65m; e para candidatas do sexo feminino, ter altura mínima de 1,60m;

  • Habilitação (CNH): sim, exceto somente categoria "A";

  • Quantidade de vagas: 2000 vagas;

  • Clique aqui e tenha acesso ao edital




bottom of page