top of page

Concurso PC-SP: editais no primeiro semestre! 3.500 vagas!


Delegado anuncia possíveis datas de lançamento dos editais


Um novo edital para o concurso da Polícia Civil de São Paulo (PC-SP) será publicado em breve!


A instituição já conta com 3500 vagas autorizadas para diversos cargos. O próximo concurso ofertará vagas para:


  • Delegado: 552 vagas;

  • Médico Legista: 116 vagas;

  • Perito Criminal: 249 vagas;

  • Investigador de Polícia: 1.250 vagas;

  • Escrivão de Polícia: 1.333 vagas.


Os editais estão previstos para publicação ainda no primeiro semestre de 2023.


Esses prazos forma confirmados por Anderson Pires Giampaoli, delegado de Polícia. Confira:


“A ideia da Polícia Civil de São Paulo é os editais saírem entre um ou dois meses. Nós podemos dizer que ainda neste semestre já teremos os editais publicados para essas 3.500 vagas. O primeiro planejamento feito por nós prevê que os editais e as provas preambulares se deem ainda neste semestre”, disse Giampaoli.


Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Estado, a policia civil paulista tem déficit funcional de 32,4%.


A Secretaria ainda informou que a atual gestão tem adotado um conjunto de ações emergenciais para reduzir esse percentual.

"A recomposição e a valorização do efetivo policial são prioridades do Governo do Estado. A atual gestão da SSP, desde que assumiu a pasta, tem adotado um conjunto de ações emergenciais para reduzir o déficit das polícias paulistas, que é de 32,4% na Polícia Civil. Estão em andamento concursos para a seleção de mais 8.559 mil policiais – sendo 2.750 para Polícia Civil. Também estão em andamento estudos para realização de concursos extraordinários", disse a Secretaria em nota divulgada para a imprensa.

Todas as carreiras exigem nível superior e oferecem salários de até R$12 mil.


Confira os detalhes deste concurso:




Situação atual


Foram autorizadas 3.500 vagas para o concurso da PC-SP.


Segundo Anderson Pires Giampaoli, delegado de Polícia, a previsão é que os editais sejam lançados ainda no primeiro semestre de 2023!


“A ideia da Polícia Civil de São Paulo é os editais saírem entre um ou dois meses. Nós podemos dizer que ainda neste semestre já teremos os editais publicados para essas 3.500 vagas.


Sendo assim, a expectativa para o lançamento de um novo edital cresce a cada dia.


Remuneração


Abaixo, veja os vencimentos iniciais das carreiras:


  • Delegado: R$ 12.458,98;

  • Médico Legista: R$ 10.439,92;

  • Perito Criminal: R$ 10.439,92;

  • Investigador de Polícia: R$ 4.717,42;

  • Escrivão de Polícia: R$ 4.717,42


Além disso, as carreiras da PC-SP recebem outros benefícios, o que pode aumentar estes valores.


Previsão de vagas


Estão prevista 3500 vagas com a seguinte oferta:


  • Delegado: 552 vagas;

  • Médico Legista: 116 vagas;

  • Perito Criminal: 249 vagas;

  • Investigador de Polícia: 1.250 vagas;

  • Escrivão de Polícia: 1.333 vagas.


Requisitos do cargo


Os requisitos para o ingresso na instituição variam de acordo com a área de atuação.


Veja, abaixo, as principais exigências do concurso, de acordo com cada cargo.


Escrivão e Investigador:


  • Graduação de nível superior, em qualquer área de formação, para ambos os cargos, expedido por entidade de ensino oficial ou reconhecida pelo MEC;

  • Idade mínima de 18 anos;

  • Ser habilitado para condução de veículos automotores, no mínimo na categoria “B”.


Perito criminal


Conforme o último edital, os requisitos específicos de escolaridade foram:


  • Possuir diploma de graduação, expedido por escola oficial ou reconhecida e devidamente registrado e/ou colação de grau em um dos seguintes cursos de Bacharelado em: Análise de Sistemas, Arquitetura e Urbanismo, Biologia, Biomedicina, Biotecnologia, Ciências da Computação, Ciências Físicas e Biomoleculares, Ciências Moleculares, Contabilidade, Direito, Enfermagem, Engenharia, Estatística, Farmácia, Farmácia e Bioquímica, Física, Fonoaudiologia, Geografia, Geologia, Informática, Matemática, Medicina, Medicina Veterinária, Museologia, Nutrição, Odontologia, Química, Sistemas de Informação e Tecnologia da Informação.


Delegado:


  • Ter formação específica de ensino superior de bacharelado em Direito, certificada por diploma universitário reconhecido pelo órgão ou instituição competente, na forma da legislação aplicável;

  • Comprovação de, no mínimo, 2 (dois) anos de atividade jurídica ou 2 (dois) anos de efetivo exercício em cargo de natureza policial civil.


Médico Legista


  • Possuir diploma de graduação no curso de Medicina, expedido por entidade de ensino oficial ou reconhecida, devidamente registrado, nos termos do artigo 5º, da Lei Federal nº 12.030, de 17 de setembro de 2009;

  • Possuir o registro no Conselho Regional de Medicina (CRM);

  • Ser habilitado para a condução de veículos automotores, no mínimo na categoria “B”.




Atribuições do cargo


Escrivão: São atribuições inerentes ao exercício do cargo de Escrivão de Polícia aquelas previstas no Sistema Único de Cadastro de Cargos e Funções-Atividades (SICAD) da Unidade Central de Recursos Humanos do Estado de São Paulo (UCRH), sem prejuízo de outras a elas relacionadas.


Investigador: São atribuições inerentes ao exercício do cargo de Investigador de Polícia aquelas previstas no Sistema Único de Cadastro de Cargos e Funções-Atividades (SICAD) da Unidade Central de Recursos Humanos do Estado de São Paulo (UCRH), sem prejuízo de outras.


Perito criminal: Examinar locais de crimes para levantar indícios e verificar detalhes sobre a ocorrência; Coletar imagens e vestígios, preservando materiais que podem ser usados na investigação de um crime; Fazer medições para reproduzir possíveis cenários através de ensaios em laboratório; Realizar diferentes tipos de análises (balísticas, químicas, odonto-legais (de arcada dentária), contábeis etc.); Preparar croquis e descrições narrativas (orais e escritas) com base na apreciação e interpretação de fatos relacionados a crimes, dentre outras.


Delegado: São atribuições inerentes ao exercício do cargo de Delegado de Polícia, dentre outras a elas relacionadas ou delas decorrentes: exercer atos inerentes à gestão da atividade de polícia judiciária; presidir os atos de polícia judiciária e a apuração das infrações penais, praticar atos de polícia administrativa e exercer policiamento preventivo especializado; presidir a investigação criminal e as ações a ela relacionadas, dentre as quais aquelas previstas no Código de Processo Penal e na legislação extravagante; portar arma de fogo e atuar com possibilidade de exposição a situações de risco; mediar conflitos, dentre outras.


Médico Legista: São atribuições inerentes ao exercício do cargo de Médico Legista aquelas previstas no Sistema Único de Cadastro de Cargos e Funções-Atividades (SICAD) da Unidade Central de Recursos Humanos do Estado de São Paulo (UCRH), sem prejuízo de outras a elas relacionadas ou que sejam requisitadas no campo da Medicina Legal:


Etapas e provas


As etapas do último concurso Polícia Civil SP foram as seguintes:


  • 1ª etapa: prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório;

  • 2ª etapa: prova escrita, de caráter eliminatório e classificatório;

  • 3ª etapa: comprovação de idoneidade e conduta escorreita, mediante investigação social, de caráter eliminatório;

  • 4ª etapa: prova oral, de caráter eliminatório e classificatório;

  • 5ª etapa: prova de títulos, de caráter classificatório.


Segundo editais anteriores, veja as etapas e provas que os candidatos foram submetidos para cada cargo:


Escrivão


A prova preambular, de caráter eliminatório e classificatório, é constituída de 80 questões objetivas de múltipla escolha, com cinco alternativas cada, e atribuição de nota de zero a 100 pontos, abrangendo disciplinas assim distribuídas em módulos:


  • Módulo 1 Língua Portuguesa: 24 (vinte e quatro) questões; Noções de Lógica: 16 (dezesseis) questões;

  • Módulo 2: Noções de Direito e de Criminologia: 20 (vinte questões); Noções de Informática: 20 (vinte) questões.


Investigador


A prova preambular, de caráter eliminatório e classificatório, é constituída de 80 questões objetivas de múltipla escolha, com cinco alternativas cada, e atribuição de nota de zero a 100 pontos, abrangendo disciplinas objeto do programa definido no Anexo IV, assim distribuídas em módulos:


  • Módulo 1: Língua Portuguesa: 15 (quinze) questões; Noções de Direito: 15 (quinze) questões; Noções de Criminologia: 10 (dez) questões;

  • Módulo 2: Noções de Informática: 20 (vinte) questões; Noções de Lógica: 20 (vinte) questões


Perito criminal


A prova preambular visa avaliar o conhecimento do candidato e será constituída de 100 (cem) questões com 5 (cinco) alternativas cada uma, assim distribuídas:


  • Língua Portuguesa: 14 questões;

  • Noções de Direito: 8 questões;

  • Noções de Criminologia: 4 questões;

  • Noções de Criminalística: 5 questões;

  • Noções de Medicina Legal: 5 questões;

  • Conhecimentos em Lógica: 7 questões;

  • Conhecimentos em Informática: 7 questões;

  • Biologia: 10 questões;

  • Física: 10 questões;

  • Química: 10 questões;

  • Matemática: 10 questões;

  • Contabilidade: 10 questões.


Médico legista


A prova preambular, de caráter eliminatório e classificatório, é constituída de 80 questões objetivas de múltipla escolha, com cinco alternativas cada, e atribuição de nota de 0 a 100 pontos.


  • Medicina Legal e Criminalística: 48 questões;

  • Língua Portuguesa: 08 questões;

  • Noções de Criminologia: 08 questões;

  • Noções de Direito: 08 questões;

  • Noções de Informática: 04 questões;

  • Noções de Lógica: 04 questões


Prova escrita


Os candidatos habilitados na prova preambular terão corrigidas as respectivas provas escritas dentre aqueles que obtiverem as maiores notas na prova preambular, em número de 3 vezes.

A prova será constituída por 4 questões discursivas, abrangendo disciplinas distribuídas da seguinte forma:


  • Medicina Legal e Criminalística: 02 (duas) questões;

  • Língua Portuguesa: 01 (uma) questão;

  • Noções de Criminologia: 01(uma) questão.


Prova Oral


Os examinadores de cada disciplina atribuirão ao candidato nota de 0 a 100 pontos, considerando-se aprovado aquele que obtiver nota mínima de 50 pontos em cada uma e, no total, média de 50% ou mais.


Delegado


  1. Prova preambular (eliminatória e classificatória);

  2. Prova Escrita (eliminatória e classificatória);

  3. Investigação Social (eliminatória);

  4. Prova Oral (classificatória e eliminatória);

  5. Prova de Títulos (classificatória).


Prova Preambular


A prova foi composta por 100 questões objetivas de múltipla escolha com 5 alternativas.


  • Direito Penal: 14;

  • Direito Processual Penal: 14;

  • Legislação Especial: 14;

  • Direito Constitucional: 14;

  • Direitos Humanos: 14;

  • Direito Administrativo: 14;

  • Direito Civil, Medicina Legal, Noções de criminologia e Noções de Informática: 16 (sendo 4 questões para cada disciplina)


Prova Escrita


A prova escrita avaliou o domínio do conhecimento jurídico, do conteúdo das disciplinas deste edital e da norma culta, bem como o desenvolvimento dos temas na estrutura proposta, a adequação da linguagem, a articulação do raciocínio lógico e a capacidade de argumentação e será constituída por 1 (uma) dissertação e 4 (quatro) questões discursivas, abrangendo disciplinas objeto do programa definido


  • Direito Penal;

  • Legislação Especial;

  • Direito Processual Penal;

  • Direito Constitucional;

  • Direitos Humanos;

  • Direito Administrativo.


Prova Oral


  • A convocação para a realização desta fase do concurso Delegado SP ocorreu após a publicação do resultado da investigação social.

  • Os candidatos foram arguidos pelos membros da Banca Examinadora a respeito de pontos das disciplinas de Direito Penal, Direito Processual Penal, Legislação Especial, Direito Constitucional, Direitos Humanos e Direito Administrativo.

  • Os examinadores de cada disciplina atribuíram ao candidato nota de 0 (zero) a 100 (cem) pontos, considerando-se aprovado aquele que obtiver nota mínima de 50 (cinquenta) pontos em cada uma e, no total, média de 50% (cinquenta por cento) ou mais.


Importante salientar que, segundo informações da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, a estrutura dos concursos anteriores seriam mantidas.


Sendo assim, o próximo edital será bem semelhantes aos anteriores.



Último concurso


O último edital Polícia Civil SP foi publicado em 2022 e ofereceu 2.689 vagas distribuídas entre os cargos de Escrivão, Investigador de Polícia e Médico Legista.


As remunerações chegaram a R$ 8.699,94.


Resumo do concurso


  • Situação: autorizado

  • Vagas: 3.500

  • Banca: a definir

  • Cargos: investigador, escrivão, delegado, perito criminal e médico legista

  • Escolaridade: nível superior

  • Remunerações: até 12 mil.

  • Últimos editais:



Comments


bottom of page