top of page

Concurso TJ-MG 2023: comissão anunciada! Edital iminente! Veja!



O ato (Portaria 6385/PR/2023) que nomeia a comissão examinadora do concurso do Tribunal de Justiça de Minas Gerais - TJ-MG foi publicado. Veja:



Sendo assim, o edital pode ser publicado a qualquer momento.


Como de costume, o Blog Bravo Concursos vem monitorando todas as ações acerca dessa seleção.


Além dessa última informação e de acordo com apuração, a produção do edital está em estágio avançado!


Segundo uma fonte, detalhes burocráticos impedem a publicação do documento. Apesar de não especificar quais seriam esses "detalhes", a fonte comentou que:


"A realização de um concurso possui muitos detalhes para serem resolvidos até o anúncio oficial. Dependemos de algumas autorizações".


Além disso, autoridades do TJ-MG informaram que o edital poderá ser publicado ainda em 2023.


Com isso, o edital da seleção pode ser publicado a qualquer momento.


Importante destacar que o concurso TJMG está com banca contratada desde o dia 20 de abril de 2023. A MS Concursos foi a escolhida.


Além disso, o pré-edital do concurso já foi publicado e traz informações importantes sobre a seleção. Veja:


  • Segundo o documento publicado pelo governo de Minas Gerais, a banca escolhida será responsável pela elaboração das disciplinas de Português, Informática e Raciocinio Lógico Matemático.

  • As matérias de Noções de Direito e Conhecimentos Específicos ficarão por conta da EJEF - Escola Judicial Desembargador Edésio Fernandes.

  • O concurso destina-se ao provimento de vagas e à formação de cadastro reserva dos cargos efetivos de Oficial Judiciário, especialidades de Oficial Judiciário e de Comissário da Infância e da Juventude.

As remunerações iniciais serão equivalentes a R$ 6.631,00, sendo:


  • R$ 3.661,03 inicial;

  • + auxílio-transporte R$ 220,00;

  • + auxílio-saúde de R$ 300 a R$450,00, conforme idade;

  • + auxílio-creche de R$ 950,00 por filho até 7 anos de idade;

  • + auxílio-refeição de R$1.500,00; e

  • + abono R$184,42.


O servidor ainda faz jus ao adicional de desempenho que pode chegar a 70% do vencimento básico.


Para ambas as especialidades, os candidatos deverão possuir o Ensino médio de escolaridade, reconhecido por órgão governamental competente.


O concurso será composto de uma prova objetiva de múltipla escolha, com 80 questões, de caráter eliminatório e classificatório.


Além disso, o pré-edital já divulgou informações sobre a prova objetiva, que versará sobre as disciplinas a seguir discriminadas:


  • Língua Portuguesa para ambas as especialidades (Oficial Judiciário e Comissário da Infância e da Juventude): 25;

  • Noções de Direito para ambas as especialidades (Oficial Judiciário e Comissário da Infância e da Juventude): 25;

  • Noções de Informática para ambas as especialidades (Oficial Judiciário e Comissário da Infância e da Juventude): 5;

  • Conhecimentos Específicos para ambas as especialidades (Oficial Judiciário e Comissário da Infância e da Juventude): 20; e

  • Raciocínio Lógico para ambas as especialidades (Oficial Judiciário e Comissário da Infância e da Juventude): 5


Conforme o documento, as provas serão realizadas nas cidades de:


  • Belo Horizonte;

  • Betim;

  • Contagem;

  • Diamantina;

  • Governador Valadares;

  • Juiz de Fora;

  • Montes Claros;

  • Uberlândia; e

  • Varginha.


O último edital para os cargos de oficial e suas respectivas especialidades foi publicado em 2017.


Abaixo, veja o vídeo do Prof. Marcelo Narciso sobre o concurso TJ-MG:



Confira abaixo os detalhes do concurso 2023:





Situação atual


O possível ato que nomeia a comissão examinadora do concurso do Tribunal de Justiça de Minas Gerais - TJ-MG circula nos bastidores das notícias sobre processos seletivos.


A publicação se refere à nomeação da Comissão Examinadora do certame citado.


O concurso do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) é uma das seleções mais aguardadas pelos concurseiros.


O referido certame ganha destaque, pois o futuro oficial judiciário estará diante de estabilidade, boas remunerações e potencial valorização profissional.


Conforme noticiado pelo Blog Bravo Concursos, a elaboração do edital está em fase avançada!


Segundo uma fonte, detalhes burocráticos impedem a publicação do documento.


Remuneração


As remunerações iniciais serão equivalentes a R$ 6.631,00, sendo:


  • R$ 3.661,03 inicial;

  • + auxílio-transporte R$ 220,00;

  • + auxílio-saúde de R$ 300 a R$450,00, conforme idade;

  • + auxílio-creche de R$ 950,00 por filho até 7 anos de idade;

  • + auxílio-refeição de R$1.500,00; e

  • + abono R$184,42.


O servidor ainda faz jus ao adicional de desempenho que pode chegar a 70% do vencimento básico.


Sendo assim, ao final da carreira, os remunerações podem chegar a quase R$ 30.000,00.


Previsão de vagas


De acordo com o documento, o concurso destina-se ao provimento de vagas e à formação de cadastro reserva dos cargos efetivos de Oficial Judiciário, especialidades de Oficial Judiciário e de Comissário da Infância e da Juventude.


Não foi divulgado o número certo de vagas, mas a previsão de lotação compreende mais de 110 Comarcas/cidades do Estado Mineiro. Dentre elas, várias cidades do Norte de Minas como Montes Claros, Janaúba, Januária, Pirapora, Jaíba, dentre outras.


O documento destaca que, até a publicação do edital que regerá o certame, a previsão de lotação de vagas poderá sofrer alterações.


Só para se ter ideia, o total de cargos vagos no Tribunal é de 3.331, entre vários postos!


Requisitos do cargo


Para se candidatar a um dos cargos do TJMG, basta ter o Ensino médio e cumprir algumas exigências mínimas como:


  • ter no mínimo 18 anos;

  • estar em dia com as obrigações eleitorais;

  • estar em dia com as obrigações militares, se do sexo masculino;

  • achar-se em pleno gozo de seus direitos políticos e civis;

  • ser moralmente idôneo, não registrar antecedentes criminais;

  • ter boa saúde física e mental para o exercício das funções; e

  • apresentar a documentação exigida neste Edital para a posse.

Atribuições do cargo



Especialidade Oficial Judiciário - Classe Inicial: D


Padrões de Vencimento: PJ-28 a PJ-50


  • executar atividades de suporte nas áreas judiciária e administrativa na Secretaria do Tribunal de Justiça e na Justiça de Primeira Instância;

  • registrar, reunir e avaliar informações relativas a processos judiciais e procedimentos administrativos;

  • auxiliar o magistrado nas audiências ou sessões de julgamento;

  • redigir e digitar matéria relacionada a sua área de atuação;

  • realizar atos para subsidiar a movimentação do processo e demais serviços administrativos;

  • substituir a chefia no seu impedimento ou afastamento, quando indicado pelo superior hierárquico;

  • participar de comissões e grupos de trabalho, quando designado;

  • executar outras atividades identificadas pelo superior hierárquico, relacionadas com a atividade fim, inclusive no que concerne ao processo judicial eletrônico em suas variadas formas.


Especialidade Comissário da Infância e da Juventude - Classe Inicial: D


Padrões de Vencimento: PJ-28 a PJ-50


  • auxiliar no preparo de processos, promover medidas preliminares de instrução relativas a crianças e adolescentes, determinadas pelo juiz;

  • lavrar auto de infração, quando constatar violação das normas de proteção à criança e ao adolescente que tipifiquem infrações administrativas;

  • fiscalizar a execução das normas de assistência e proteção que digam respeito à criança e ao adolescente;

  • cumprir determinação judicial, com o fim de esclarecer fatos ou circunstâncias que possam comprometer a segurança física e moral de crianças e adolescentes;

  • auxiliar a criação e manutenção de cadastro contendo informações sobre crianças e adolescentes sob regime de acolhimento familiar e institucional;

  • substituir a chefia no seu impedimento ou afastamento, quando indicado pelo superior hierárquico; - participar de comissões e grupos de trabalho, quando designado;

  • executar outras atividades identificadas pelo superior hierárquico, relacionadas com a atividade fim, inclusive no que concerne ao processo judicial eletrônico em suas variadas formas.


Etapas e provas


O concurso será composto de uma prova objetiva de múltipla escolha, com 80 questões, de caráter eliminatório e classificatório.


A prova objetiva versará sobre as disciplinas a seguir discriminadas:


  • Língua Portuguesa: 25;

  • Noções de Direito: 25;

  • Noções de Informática: 5;

  • Conhecimentos Específicos: 20; e

  • Raciocínio Lógico: 5

Lembrando que, o conteúdo programático de "Conhecimentos Específicos" das especialidades são diferentes.


Cabe ressaltar que, até a publicação do edital que regerá o certame, o conteúdo programático e o número de questões de cada disciplina poderão sofrer alterações.


Resumo do concurso 2023


  • Situação: banca definida;

  • Banca: MS Concursos;

  • Vagas: a definir;

  • Cargos: Oficial Judiciário, especialidades de Oficial Judiciário e de Comissário da Infância e da Juventude;

  • Escolaridade: nível médio;

  • Remuneração inicial: R$ 3.264,9 a R$ 6.606,80;

  • Clique aqui e tenha acesso ao último edital;

  • Edital de licitação e termo de referência: clique abaixo.


Bravo_concursos_Edital_Processo_de_Compra
.pdf
Fazer download de PDF • 2.05MB






Comments


bottom of page